Site, Hotsite, Portal, Hotsite, Redes Sociais, Landing Page… - Criação de sites RJ: JF Pages

Site, Hotsite, Portal, Hotsite, Redes Sociais, Landing Page…

Home » Site, Hotsite, Portal, Hotsite, Redes Sociais, Landing Page…

Sempre me perguntam qual a diferença entre site, hotsite, portal..

Não teria definição melhor das que encontrei no livro “Marketing na Era Digital” da “Martha Gabriel”

Compartilho com vocês as definições

 

Site – A caracterísitica principal de um site é a organização dos seus conteúdos de forma a serem encontrados facilmente. A alma da estrutura de um site é a sua arquitetura da informação, ciência enfocada na organização de conteúdos. Os sites normalmente são usados para apresentar conteúdos  estruturados com seções bem definidas e detalhamento estrutural para produtos, serviços, etc. Exemplos de sites. http://www.aple.com, http://www.martha.com.br. Dependendo da predominância do objetivo de marketing de um site, ele pode ser institucional, comercial (e-commerce), promocional, informacional, etc.

Hotsite – São sites criados com prazo de validade determinado e normalmente curto, não durando mais que alguns meses. Os hotsites, como os minissites, também possuem foco em um tema restrito, no entanto, no caso do hotsite, o seu “tom” é sempre persuasivo. Normalmente os hotsites são criados para apoio promocional, como lançamento de produtos ou para eventos. O visual de um hotsite é diferenciado do restante do site ou portal. Um exemplo de hotsite é o lançamento do Chevrolet Agile, que inclui, além de outros recursos, realidade aumentada. http://www.chevroletagile.com.br

Portal – São sites que têm foco completamente voltado aos seus públicos e apresentam conteúdos verticais, específicos a eles. Assim, portal não é um “site grande”, mas um site com conteúdos verticais enfocados nos públicos. Enquanto em um site os conteúdos são organizados para  possibilitarem a navegação em informações existentes sobre um determinado tema, nos portais os conteúdos são criados para atender às necessidades do seu público. Assim, os focos são bastante claros e distintos: site enfoca a organização de um conteúdo para que possa ser facilmente encontrado por um público-alvo; portal enfoca a criação de conteúdos para determinados público-alvos. Normalmente, portais possuem ferramentas de relacionamento com os seus públicos, que, quando logados, se beneficiam de navegação privilegiada pelos conteúdos. Exemplos de portal: http://www.uol.com.br, http://www.terra.com.br

Blog – São sites em formato de diário que normalmente apresentam entradas de texto regulares chamadas de “posts”. A palavra “blog” é uma contração dos termos weblog (web + blog), em que “log” significa registrar de forma cronológica os processos em um sistema. Assim, os blogs têm conteúdos cronológicos, que funcionam como registros pessoais ou um diário. Blogs normalmente são mantidos por um indivíduo (ou um grupo pequeno de pessoas
), podendo ser pessoal ou pertencer a uma empresa. Exemplo de blogs http://artesdiy.com (blog de Artesanato).

Landing page – São páginas digitais específicas que aparecem pra um indivíduo quando ele clica um anúncio (banners, box, etc), link de resultados de busca (paga ou orgânica), link em peça de e-mail marketing ou qualquer outro link promocional. A landing page deve mostrar um conteúdo que é uma extensão do anúncio ou link clicado, pois, caso contrário, o indivíduo não reconhece a conexão com que clicou a página e não permanece nela. Por isso, a função da landing page é realizar o objetivo de marketing que resultou no clique para a página, convertendo visitantes em usuários, de acordo com o plano estabelecido. Para ver exemplos de landing pages, faça uma busca no Google e depois clique o link de qualquer resultado – a página onde você chegar é a landing page desse link.

FAÇA UM ORÇAMENTO

Atendimento via WhatsApp!